terça-feira, 14 de abril de 2009

Expressão

O meu lirismo é feito de amor
Seria exagero dizer que ele é feito de dor...
Também há nele a dor, claro
Mas ele é feito do riso
Do pranto
Da batalha...
Feito de flor!
Feito do ar, do abstrato
Da mais pura e irracional manifestação
Daquilo que bate no peito

Meu lirismo é libertação
É o medo de não amar
E de não sentir
É melodia suave numa varanda de frente pro mar
O lirismo difícil e pungente dos bêbados...
Dos perdidos...dos boêmios!

Mas também, é o lirismo da criança que estende uma flor
O lirismo da mãe que abraça e que briga
O lirismo do louco incompreendido
Do médico, do arquiteto, do músico e do artista!

É todo esse lirismo que há em mim
Do tudo ou nada
Do agora ou nunca
Da euforia e da lágrima
Da espera e da chegada

Ele é feito de vida
De histórias, de caminhos...
Ele está vivo
E é a pessoa que enxerga o mundo como ele é:
Belo, harmônico...lírico!

Mas para não ter de recitar esse poema
Toda vez que me perguntarem...
Eu só tenho uma coisa a declarar:
O meu lirismo é feito de AMOR!

-------------------------------------------------------------------------


Está faltando algo ainda nesse poema....

11 comentários:

aaluah disse...

e esse nunca há de acabar

Luíza disse...

Você escreve muito bem. Sério mesmo.
Aliás, seus desenhos no orkut também são muito bons. Imagino que deva atuar bem também, haha. Haja talento, hein?

Boa sorte e desculpe a invasão :)

Luíza disse...

Ah, eu sou amiga do Franco, da Jessica..
Fui na estréia de The Strangers, você tava lá ^^

Já te adicionei no orkut :)
Sério, as suas fotos são muito boas, diz alguma coisa que você não saiba fazer? Haha

Beeijos ;**

Vitutc disse...

Café...=T

Bianca disse...

Super lúgubre o poema..combinou com as cores do blog
(vinho & escuridão)

bjs *

http://longedeser.blogspot.com

Bianca disse...

valeu pela retribuição...voltarei sempre aqui. beijos

Erick Sam disse...

lindo viu rice^^ parabens vc escreve super bem^^

http://mysolitudewords.blogspot.com/

Fabiola disse...

é feito de amor sim!
é também feito de vida
de vivencias e de afeto e quanto ele te afeta!são coisas tipicas de quem vive e que gosta(e muito)de viver esta vida apesar de tudo, e tu a vive com Amor, que bom!
Adorei este!

um beijo grande!
Fabiola

Alice Monteiro disse...

Gostaria muito de ver você no lançamento de "Estelar", meu primeiro livro solo de poesia.
Será no dia 13 de maio, quarta-feira, na Livraria da Travessa do Shopping Leblon, a partir das 19h.
Venha comemorar comigo!
Beijos, Alice

Aprendiz disse...

lirismo, lirismo,
li, leste? ismo!
cismo? não, de todo,
fascismo, socialismo,
política? merda, fodo!
racismo, egoísmo,
ah! esse mundo, lodo!
voyerismo, sismo?
chega, percebi,
não diga que não vi!
cansaço? ismo é termo
que não topo, rodo!

ivan alves de lima disse...

oi ricelli, acompanhe o lançamento do meu romance no meu blog. saudades.