terça-feira, 23 de setembro de 2008

Lição de amor

No livro de paginas amareladas
O cheiro de antigo amor que me há de lembrar
Do som que o disco soou
Arranhado como a mais bela lembrança

E sentado naquele café
Esperando minha hora chegar
Os pensamentos sem conseguir fluir
Só sonhavam com você a passar

Estranho que eu venha a querer
Sua pele que nunca toquei
Triste não saberes existir
Todo o amor que sempre lhe dei

E tu que não sabes de mim?
Nem pensas no meu sonhar sobre nós
Falas a mim chorando tua loucura
E ata ainda mais forte nossos nós

Dos poemas que escrevo para ti
Tu amas e vem me falar
É ironia que me faz rir
São teus elogios que me fazem chorar

E tu que não sabes de mim?
Sou só um com quem trocas meias palavras
E quando vais embora
Sorriem em mim as palavras trocadas

Um dia chegastes a mim
Quando brigaste com teu amor
Disse-lhe as mais belas palavras
Sobre o amor que suporta toda dor
(Ironia...)

Mas não penses que choro pelos cantos
Sou feliz em meu estado calado
Uma vez o amor me ensinou
Que se verdadeiro um bocado

Só quer que seu bem
Acima de tudo
Seja de todos
O mais amado...



--------------------------------------------------------



Escrito hoje em um guardanapo do café Baronni, livraria Saraiva.

6 comentários:

Luiz Lianza disse...

O poema tem um ritmo muito bom de se ler, alem de passar uma emoção forte. Gostei muito mesmo, é um tema que mexe comigo (e acho que com qualquer um).

Victor disse...

Conheço esse Saleiro!

Pamela disse...

sem palavras

ivan alves de lima disse...

adorei. se você deseja um conselho de um poeta hai cai, resuma o máximo que você puder. esse amor sem ser amado é o tema da minha novela hermética que está na trilogia da gávea. se desejar ler me diga que te amo. beijo

ivan alves de lima disse...

adorei. se você deseja um conselho de um poeta hai cai, resuma o máximo que você puder. esse amor sem ser amado é o tema da minha novela hermética que está na trilogia da gávea. se desejar ler me diga que te amo. beijo

nataliakochem disse...

não aguentei, esse falou muito fundo em mim. gosto muito da sua energia ao amar rice, é linda.